AS FÉRIAS DO GUTO

E como contei na página semana passada o Augusto está OFICIALMENTE de férias. E com a mamãe aqui trabalhando e sem parentes aqui na cidade o jeito foi mandar o pequeno (com o coração na mão) diga se de passagem na casa dos avós que praticamente pularam de alegria quando pedimos que ficassem com ele.

11721781_1141836229163147_1794252828_n

Guto aproveitando suas férias na casa da vovó!

Não sei se mãe é tudo assim (me atrevo a dizer que sim, rsrs), mas ao mesmo tempo que sabia que ele estaria bem e que iria aproveitar mais que tudo as férias, me deu um aperto no coração de deixar ele lá…ele já havia ficado outras vezes, mas foram 2 dias somente. Continuar lendo

BRINCADEIRAS DE ANTIGAMENTE – Dicas para divertir a garotada sem precisar de tecnologia e de binquedos caros

Apresentação1

Nós pais, temos o péssimo hábito de pensar que as crianças precisam de brinquedos caros para brincar. Eu, por exemplo já pude constatar aqui em casa que nem sempre é assim, muitas vezes compramos o brinquedo que juramos ser a sensação do momento e a Lara nem dá bola. Isso sem entrar no quesito grana curta, nem se fala então no que diz respeito ao consumismo desenfreado.

Fato é que ainda não inventaram nada mais divertido que as brincadeiras que não precisam de brinquedos. Olha só que maravilha, as brincadeiras mais divertidas precisam de pessoas dispostas a brincar e estreitar laços entre si, o que é um ganho sem igual, principalmente quando falamos de relacionamento entre pais e filhos.

Pensando nas férias da garotada e na diversão em família, trouxe uma seleção de brincadeiras que não precisam de tecnologia e muito menos de gastar uma grana comprando brinquedos caros, podemos improvisar muitas coisas com o que já temos em casa. Algumas brincadeiras são individuais entre pais e filhos, e outras que permitem chamar os amiguinhos, primos e os vizinhos para animar ainda mais. Uma sugestão é combinar com os pais dos amigos que cada final de semana a reunião da criançada seja em uma casa, assim os pais também podem tirar uma folguinha.

Vamos brincar?

Continuar lendo