DICA DE LIVRO INFANTIL: UI QUE VERGONHA!

SENTA QUE LÁ VEM DICA DE LIVRO INFANTIL!

ui-q-vergonha

SINOPSE

Júlio é um menino igual a tantos outros. Mas às vezes ele se sente muito diferente e sofre por isso. Quando está em casa, tudo bem… mas quando aparece alguém ou alguma situação diferente, ele se retrai, fica quieto, tímido e, às vezes, até se esconde… Por que será que Júlio se sente assim? Seria insegurança, medo, falta de confiança?

OPINIÃO PAULA

Quem nos acompanha sabe que Lara é uma criança muito tímida, e eu sofro só de imaginar que ela sofre com isso, pesquisando um pouco sobre o assunto descobri esse livro pela internet e resolvi comprar como um dos presentes de Natal pra ela.

O livro é lindo, cheio de expressões e super colorido, a história é simples com a intenção de ajudar a criança a mandar a vergonha embora. Leio quase todas as noites para a Lara e como ela gosta de participar das leituras, aproveitamos pra bater papo sobre o assunto. Saio um pouco da história e pergunto o que a faz sentir vergonha, o que a gente faz pra vergonha passar, enfim dá pra abordar o tema de uma forma bem interessante, fazendo a criança contar o que sente.

Claro que nem sempre ela sabe expressar, mas não tem problema o legal é o vínculo e a confiança que a gente constrói com essa conversa.

Espero que tenham gostado da dica.

Bjs,

Paula 🙂

Anúncios

DICA E RESENHA DE LIVRO INFANTIL: A VIAGEM DA CHAMA OLÍMPICA.

SENTA QUE LÁ VEM DICA DE LIVRO

A VIAGEM DA CHAMA OLÍMPICA – POR MIRNA BRASIL PORTELLA e ilustrações de FRAN JUNQUEIRA. EDITORA GUARDA-CHUVA.

20160607_150833.png

SINOPSE: Partindo das origens dos Jogos Olímpicos na Grécia e viajando pelo mundo através das cidades-sede dos Jogos, A viagem da chama olímpica revela a história e os significados por trás da tocha olímpica e do evento que o mundo espera a cada quatro anos. Com narrativa lúdica e ilustrações divertidas, o livro viaja com o “fogo dos deuses” sendo levado pelos mais corajosos atletas, iluminando caminhos através da geografia, povos, monumentos, culturas e curiosidades de cada lugar por onde passa.

Uma celebração do espírito esportivo de harmonia e união. Ao final, o livro se transforma em um jogo de tabuleiro, em que os participantes terão que levar a tocha até o seu destino! Indicado para crianças a partir de 6 anos.

RESENHA: Com as olimpíadas batendo a nossa porta, nada mais legal que um livro divertido e bem ilustrado para explicar as crianças sobre o significado, história das Olimpíadas. O livro é ágil, mostra a chama olímpica visitando vários países com um pouco da sua história e importância. As ilustrações são belíssimas. Apesar de ser indicado a partir de 6 anos de idade, Marília com quase 4 já adorou rsrs.

NOTA: 9,0

Beijos,

Lucinha.

Link: editoraguardachuva.com.br

@editoraguardachuva

DICA E RESENHA DE LIVRO INFANTIL: ACREDITE – POR ANDRE BELLO E ANA HELENA BEHRING

SENTA QUE LÁ VEM DICA DE LIVRO INFANTIL

ACREDITE – POR ANDRE BELLO E ANA HELENA BEHRING BELLO. EDITORA GUARDA-CHUVA.

20160510_132454

SINOPSE: Talvez você não saiba, mas tem muita energia guardada aí dentro. Isso mesmo: dentro de você existe o potencial para realizar todos os seus sonhos – e até para transformar o mundo!

Mais que um guia bem humorado com exercícios divertidos, Acredite! é uma aventura que coloca em prática conceitos e metodologias das empresas mais inovadoras do planeta, com tarefas reais e inteligentes.

Livro para crianças e adolescentes, a partir de 11 anos. É o primeiro livro de design thinking para jovens, 100% interativo e divertido. Mais do que isso, Acredite! é sobre transformações. Conceitos de inovação aplicados para que cada um de nós descubra que otimismo,criatividade e colaboração são os verdadeiros poderes que precisamos.

Continuar lendo

DICAS DE BRINCADEIRAS PARA BEBÊS DE 3 A 6 MESES

Mês passado dei dicas de brincadeiras para entreter e que ajudam no desenvolvimento de bebês de 0 a 3 meses de idade e agora darei dicas para bebês de 3 a 6 meses que além de promover e aumentar o vínculo entre pais e filho, auxilia no desenvolvimento.

“Nesta idade, o bebê começa a ficar bem mais ativo, ao aprender a virar e a sentar. Outra novidade é a habilidade de segurar, manipular e levar objetos à boca, algo que o ocupará por horas a fio e exigirá atenção redobrada da sua parte.

As crianças passam também a responder melhor às tentativas de entretê-las, soltando gritinhos de alegria e olhando os pais nos olhos.” (FONTE: Brasil Baby Center)

ELEVADOR

unnamed

Brincar de elevador é simplesmente segurar o bebê em pé no seu colo e erguer para cima e descê-lo. Ou também o segurar de bruços, bem apoiado e brincar de aviãozinho..Garante boas risadas e auxilia no desenvolvimento motor.

CONTAR HISTÓRIAS

images (17)

Um livro de pano bem colorido + mamãe ou papai contando a historinha de forma leve, mudando entonação da fala, fazendo caretas irá prender a atenção do bebê e auxilia e muito no desenvolvimento da fala e cognitivo.

Continuar lendo

DICA E RESENHA DE LIVRO: A GAROTA NA TEIA DE ARANHA – POR DAVID LAGERCRANTZ

SENTA QUE LÁ VEM DICA DE LIVRO

images

SINOPSE: A hacker Lisbeth Salander e o jornalista Mikael Blomkvist precisam juntar forças para enfrentar uma nova e terrível ameaça. É tarde da noite, e Blomkvist recebe o telefonema de uma fonte confiável, dizendo que tem informações vitais aos Estados Unidos. A fonte está em contato com uma jovem e brilhante hacker — parecida com alguém que ele conhece. Blomkvist, que precisa de um furo para a revista Millennium, pede ajuda a Lisbeth. Ela, porém, tem objetivos próprios. Em A garota na teia de aranha, a dupla que já arrebatou mais de 80 milhões de leitores com Os homens que não amavam as mulheres, A menina que brincava com fogo e A rainha do castelo de ar se reencontra em um thriller explosivo. (FONTE: SARAIVA)

RESENHA: Confesso que tinha ressalvas ao livro. Um autor sem ser o autor original dar continuidade a livros tão complexos? Pois me enganei. Apesar de um começo lento e confuso, o livro toma ritmo e é impossível parar de ler. Lisbeth ressurge como a Lisbeth dos fãs.

A história se passa com Frank Balder, um cientista que pesquisa sobre inteligência artificial, ele tem um filho de 8 anos chamado August que é autista e que se comunica melhor através da pintura. O cientista Frans Balder decide voltar para a Suécia após pegar a guarda de seu filho pois a mãe e o padrasto estavam maltratando August.

Porém ao voltar para a Suécia ele percebe que a máfia russa está a sua procura pois desejam seu projeto. Lisbeth descobre que ele corre perigo e tenta alertá-lo e Mikael o procura para um furo de reportagem contudo o cientista é morto e Mikael acusado.

Uma trama ágil, veloz e enigmática do começo ao fim.

NOTA: 10