PARTO HUMANIZADO – PORQUE SE FALA MUITO SOBRE ISSO?

Com absoluta certeza você já escutou uma ou mais vezes essa expressão: Parto Humanizado. Hoje é comum ouvir, e muito sobre parto humanizado, mas grande parte das pessoas não sabe o que realmente é um parto humanizado confundindo-o com um parto natural ou parto domiciliar.

Hoje vamos esclarecer o que é um parto humanizado e porque é tão importante que nós mulheres saibamos  exatamente o que é e os benefícios que traz para mãe e bebê nesse momento tão importante.

Bebê logo após o nascimento. Imagem linda!

Bebê logo após o nascimento. Imagem linda!

Muitas mulheres acreditam que por ter tido um parto normal, ou terem sido tratadas de maneira educada pela equipe que as atendeu durante o parto tiveram um parto humanizado, outras pensam que parto humanizado é somente aquele realizado em casa e tem quem acredite que o parto natural é o mesmo que um parto humanizado.

A gestação é um período de grandes mudanças e é muito comum que as gestantes tenham medo do parto, seja pelas inúmeras histórias que ouvimos sobre como é sofrido o parto, ou mesmo instigados pelos próprios obstetras que utilizam de inúmeras desculpas para levar a mulher que já se encontra em um período frágil a uma cesariana mesmo que a mulher tenha optado pelo parto normal.

Mas se engana, quem acredita que o parto humanizado seja assim: sofrido e dolorido. Segundo Melania Amorim Parto humanizado é essencialmente aquele parto centrado na mulher, com respeito à autonomia e ao protagonismo feminino. Parto natural é o parto que acontece sem intervenções, como ocitocina , analgesia, fórceps . É possível se ter um parto humanizado não inteiramente natural, porque algumas intervenções podem ser necessárias. Por isso o fundamental é essa retomada do protagonismo feminino no parto.

Para se ter um parto humanizado só é necessário que a mulher QUEIRA e a partir dai busque informações e tenha apoio da equipe que ira estar com ela durante o parto. Não é tão fácil ter mas com muita informação se consegue muito, além da mulher querer ela precisa começar a entender e conhecer seu corpo, para que algumas dúvidas não apareçam, o corpo é sábio e toda mulher pode parir, a humanização é quando a mulher é respeitada em suas decisões sem ser rechaçada ou humilhada, não é uma tarefa fácil mas também não é impossível.

Mãe recebe massagem durante o parto para ajudar nos momentos das contrações.

Mãe recebe massagem durante o parto para ajudar nos momentos das contrações.

Ana Cristina Duarte, coordenadora do GAMA (Grupo de Apoio a Maternidade Ativa), discorre em seu texto (leia na integra aqui) alguns preceitos essenciais para que um possamos considerar em um Parto Humanizado: respeito ao tempo da mãe e do bebê;  respeito ao protagonismo da mulher, entendendo que esse é um momento dela e do bebê; compartilhamento das opções e informações com a mãe para que essa possa escolher o que é melhor para ela no momento; possibilitar que o parto transcorra com o minimo de intervenções possíveis em um ambiente adequado, que a mulher tenha ao seu lado a pessoa de confiança, e que possa ficar na posição que achar mais confortável e conveniente pra ela.

Muitos hospitais públicos contam com programas de incentivo ao parto humanizado, entretanto ainda existe um longo caminho a ser percorrido para que o seja  alcançado, por isso hoje vemos muito se falar nisso para que mais e mais mulheres tenham seus direitos respeitados durante o nascimento dos seus filhos.

Se você se interessou pelo assunto um excelente filme para assistir é O Renascimento do Parto que é sem dúvida um divisor de águas para todos que assistem. Também pode encontrar muitas informações importantes e interessantes no blog da Dr. Melania Amorim que explica muitos dos mitos e crenças errôneas que sempre acreditamos piamente como por exemplo que circular de cordão é sinônimo de cesárea entre outros. No blog do GAMA coordenado pela parteira e obstetriz Ana Cristina Duarte também existisse bastante informação a respeito do assunto, vale conferir.

Espero que tenham curtido e que busquem conhecer melhor o assunto, principalmente se desejam ter um Parto Humanizado cercado de muito amor.

Por

Ari, com a colaboração mais que especial da minha amiga Doula Marília Querido (ela que vai me doular no próximo parto se Deus quiser) rsrs.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s