SHANTALA: AMOR ATRAVÉS DAS MÃOS

Sabe aquele momento lindo de cumplicidade, carinho, olho no olho e muito amor com o bebe que aparece nos comerciais de produto infantil?

Pois é, a Shantala pode proporcionar tudo isso e muito mais aí na sua casa!

Basta dedicar alguns minutos do seu dia para fazer a mensagem.

shantalaA técnica indiana é milenar e traz consigo uma sabedoria popular descoberta pelo Dr. Frédérick Leboyer (médico obstetra francês) que numa viagem a Índia, observou uma mãe numa rua de Calcutá massageando seu bebê com uma intimidade e interação encantadora. Leboyer registrou esse momento por alguns dias consecutivos e ao publicar o livro no Brasil deu o nome da massagem de Shantala, o mesmo da jovem mãe.

http://www.cursoshantala.com.br/p/shantala.html

A Shantala é indicada após o bebe completar 1 mês de vida, e permite ampliar ainda mais o vínculo mãe e filho, transmitindo segurança, confiança e conforto, a massagem ainda ajuda a eliminar tensões, diminuir estresse, auxilia também nos sintomas de cólica, gases e prisão de ventre, e ajuda a acalmar o bebe para um sono mais tranqüilo.

A sessão da Shantala dura em média 15 minutos, os movimentos são simples e fáceis de fazer, basta apenas um pouco de óleo vegetal para friccionar e aquecer as mãos. No inicio o indicado é que seja feito 3 repetições de cada movimento, após se adaptarem bem à técnica o número de repetições pode aumentar conforme a aceitação do bebe, até no máximo 10 repetições. Tome cuidado para que o bebe não esteja de barriguinha cheia, o ideal é que seja feito em intervalo entre as mamadas. O bebe não pode estar chorando, para que possa aproveitar dos benefícios da massagem, que deve ser realizada em silêncio, falar o tanto quanto baste para entreter o bebe, a ênfase deve estar no toque e não na fala.

Um detalhe importante é a concentração no ritual, se dedicar por inteiro nesse momento, olho no olho, esquecer dos afazeres que lhe aguarda sentir cada movimento tentando transmitir ao bebe todo seu amor através das suas mãos, fazendo com que ele sinta a firmeza e a suavidade que pode encontrar em você.

sh

Eu conheci a Shantala quando a Lara era ainda RN, e quando ela tinha pouco mais de 2 meses iniciamos as massagens como parte do ritual do sono. Aprendi a sequencia de movimentos vendo vídeos na internet, e posso dizer sem sombra de dúvidas que foi muito gratificante os momentos dedicados neste ritual.

Falando por experiência própria, esta pratica acalma e relaxa, tanto o bebe quanto quem realiza a massagem. Claro que quando ela era um bebe era muito mais fácil já que ficava quietinha só relaxando e aproveitando o momento, hoje ela já não tem mais tanta paciência como antes, mas mesmo assim, nos dias que percebo ela menos inquieta ainda costumo realizar a massagem, mesmo que não consiga realizar a sessão completa, não sei explicar, mas é como se eu precisasse fazer ela sentir meu toque e o meu carinho sem pressa, o dia a dia é tão corrido, que as vezes um carinho ou outro pode passar despercebido, no momento da Shantala não, todas as atenções (ou pelo menos quase todas) estão voltadas ao toque, é um momento meu e dela, desta forma carinho fica muito mais evidente.

Por Paula de Souza

Deixo para vocês o vídeo no qual eu aprendi os movimentos da Shantala, no vídeo também tem algumas dicas importantes quanto ao ambiente e posição adequada para a realização da massagem.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s